segunda-feira, 10 de abril de 2017

Olá pessoal! Ficamos afastados por um tempo, mas estamos voltando com muitas novidades! 

Vamos tentar atualizar as informações!

Sendo assim, faremos uma retrospectiva do segundo semestre de 2016!


Em julho de 2016 Raquel e Grace fizeram o curso de formação da CSA em Botucatu. Caminhamos com mais certeza do que é preciso para a expansão e principalmente para a manutenção das CSAs que já existem. 

Na foto: Raquel, Carlos (CSA Demétria), Inaiá, Wagner(CSA Brasil), Grace, Claudia e Marcos (CSA In Lak'esh)

Imagem inline 4



O foco em 2016 foi de reestruturação interna e ao mesmo tempo expansão de novas CSAs por Curitiba e regiões próximas. André, Raquel e Grace dando atenção na divulgação externa.

Demos passos significativos com relação ao fortalecimento efetivo de novos grupos, novos pontos de distribuição, novos agricultores envolvidos. Fizemos um vínculo com o Marcos In lak'ech, localizado em Bocaiúva do Sul; e com os antigos Irmãos Green, gerenciados pela Beatriz e pelo Mago Jardineiro, que já trabalham com orgânicos e agricultura biodinâmica há tempos, lá em Colombo. Como esses dois novos pontos em potencial, novos outros pontos de distribuição estão para nascer, na região norte de Curitiba. 


Ao mesmo tempo, estamos nos reestruturando internamente. André está se afastando aos poucos da coordenação em 2016 pelas novas oportunidades profissionais que virão em 2017; Grace assumiu a parte financeira da CSA Terra Viva/Verde Orgânico e Raquel continua na CSA Sítio São Carlos. Compartilhamos as decisões administrativas dos dois pontos. 



No sítio São Carlos tivemos um envolvimento maior com a Simone Richter, do CPRA. Ela visitou o sítio e nos doou o EM ( adubo de microorganismo ). Carlos aplicou no canteiro que receberia as mudas de morango, do primeiro lote em maio e o segundo lote em julho. Foram plantadas 3 mil mudas de morangos, vindos do Chile. Desde novembro, todos já provaram o resultado: morangos saborosos!! Silvia e Carlos doaram em novembro 1 kg de morango para Simone em retribuição ao carinho e a parceria.

Imagem inline 5

Em junho 2016 Silvia e Carlinhos perfuraram um poço artesiano no terreno deles para complementar na irrigação da lavoura. Que até então era feita essencialmente com o depósito de água da chuva. Esse investimento foi fruto da estabilidade financeira que a CSA proporciona aos nossos agricultores.

Imagem inline 3



Em outubro 2016 a CSA fez uma parceria com a escola Turmalina, investindo parte de sua arrecadação obtida com a rifa da boneca waldorf, para a aquisição de uma caixa de abelhas nativas sem ferrão Jataí. (a ideia inicial era confeccionarmos as caixas, mas percebemos que não é tão simples assim...) Enquanto coordenação, sempre pensamos na CSA Sítio São Carlos como possibilidade de aprendizado e desenvolvimento entre pessoas e o meio ambiente.

Focar em um projeto de abelhas sem ferrão estava em nossos planos há tempos. Carlos e Silvia, não tiveram interesse em ter uma caixa de abelha em sua propriedade por não ser prioridade no momento. Sendo assim, aguardamos e conseguimos amadurecer a ideia de ter e manter uma caixa dentro da escola Turmalina, essencialmente para fins didáticos, de observação da natureza e conscientização ambiental tanto das crianças como da comunidade que pertence à escola/CSA. 

Raquel fez o curso gratuito de meliponicultura, no CPRA e se responsabilizará pela manutenção/manejo dessa caixa. Além das abelhas, foi investido a compra de árvores que fornecem mel para as abelhas e embelezam a nossa escola. Foram plantadas 4 árvores: florescem na primavera e verão: Árvore de Escova de Garrafa, perto dos bancos; Buquê de noiva dobrada, no entrada para o Jardim de infância e as que florescem no inverno: Glicínia, na frente da escola e Flor de São João, no corredor para o 8º e 7º ano. Todas essas plantas serão mantidas pela CSA (Raquel) para que em um futuro próximo estejam em seu pleno florescimento, cada um em sua época, durante o ano todo. 

A caixa com as abelhas chegou além do tempo previsto, no dia 11/dezembro. A ideia era colocar a caixa juntamente com os alunos, antes das férias. Mas não foi possível. Sendo assim, vamos colocar a caixa na escola no retorno às aulas.


O sorteio ocorreu no Bazar de Natal da escola Turmalina, no dia 11/dez. A coprodutora Fernanda Boering, que no último minuto comprou o n. 76, foi a sorteada!!! \o/


Imagem inline 1


Agradecemos à todos os envolvidos, especialmente à Felícia e Luana (quem deram o material e inspiração para todo esse projeto da rifa, transformando o que tínhamos em mãos (boneca) em possibilidades (caixa com abelhas, complemento do fundo);  Polliana Cinthia, Scheilla, Denise (quem apoiaram nas vendas), Anne (quem fez os números do sorteio).




***************************************************************
🌽🍒🍎🍊🍉


Silvia e Carlos se sentem agradecidos aos coprodutores da CSA Sítio São Carlos por tudo que foi realizado em 2016!! As mudanças significativas da cota, passando a ser uma cota única e dispostas em sacolas; a mudança do dia de distribuição para sexta-feira; perfuração do poço artesiano dentre as relações que vão se fortificando ao longo dos meses. Eles reconhecem e agradecem a cooperação de todos, pois essas alterações trouxeram melhor qualidade de vida para eles. 

Estamos caminhando para 2 anos de CSA aqui em Curitiba e já conseguimos colher bons frutos dessa relação de amizade e parceria. Tivemos desafios, mas que fazem parte de qualquer relação. E como é gratificante amadurecermos juntos. E que mais pessoas se unam à nós, fortalecendo a nossa comunidade. Sozinhos fazemos muitas coisas, sim. mas juntos, conseguimos construir bases sólidas para aprendizados com as relações que nos fazem frutificar, dentro de nós e com o próximo. 


Agradecemos toda a vivência e que venha 2017, nos trazendo novos desafios, novas relações, novas motivações que aqueçam os nossos corações.


***************************************************************
😁😀

Nenhum comentário:

Postar um comentário